Conheça a importância do Teste QUATI para os processos seletivos

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook

A contratação de um novo funcionário nem sempre é uma tarefa simples. A atividade demanda um bom conhecimento do profissional de recursos humanos, que deve estar munido das ferramentas mais apropriadas de recrutamento e seleção de pessoas.

Os testes psicológicos podem ser um desses instrumentos. Eles são uma etapa importante na contratação de funcionários, pois permitem conhecer a personalidade do indivíduo e, logo, saber se seu perfil é adequado ou não para a função e à cultura da empresa.

Neste artigo, vamos apresentar o Questionário de Avaliação Tipológica (QUATI), um dos testes mais utilizados por empresas que querem fazer uma contratação assertiva. Continue a leitura e aprenda mais sobre o teste e o que você precisa saber sobre ele!

» Sistema Online de Recrutamento e Seleção
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

O que são testes psicológicos?

Podemos entender testes psicológicos como um conjunto de tarefas pré-definidas por meio de técnicas. Eles têm a finalidade de descrever fenômenos psicológicos, com prognóstico, planejamento de intervenções ou monitoramento.

Eles podem ser escalas, questionários (exemplos de testes objetivos), inventários ou atividades que precisem de expressão gráfica do comportamento do indivíduo, a exemplo dos testes expressivo-gráfico e projetivo.

O que é o Teste QUATI?

O Questionário de Avaliação Tipológica (QUATI) é um teste que permite identificar inclinações comportamentais em um indivíduo. Ele auxilia o profissional de RH a entender qual o grau de desempenho do candidato em determinada tarefa através de sua personalidade.

Tem como objetivo definir estilos cognitivos e de comportamento individual, fazendo a classificação de características semelhantes e diferenças em determinados grupos.

Isso contribui para a organização de equipes de trabalho, no treinamento empresarial e remanejamento de profissionais, na detecção e solução de conflito nas organizações, na criação de programas de ensino-aprendizagem, na orientação vocacional e aconselhamento familiar, além de orientação escolar.

Os resultados do teste QUATI são revelados em um conjunto de três códigos que definem a atitude consciente e as funções mais e menos desenvolvidas, ou inconscientes.

O teste QUATI é uma ferramenta investigativa baseada na teoria Junguiana e em sua tipologia. Foi desenvolvido na Universidade de São Paulo por José Jorge de Morais Zacharias, e leva em consideração as especificidades da realidade brasileira.
Por essa proximidade com a cultura do nosso país, é um dos mais utilizados pelos profissionais brasileiros.

Lembrando que o QUATI é um teste psicológico e, como todos da modalidade, só pode ser aplicado por profissionais formados em Psicologia.

Como funciona?

O teste é composto por seis situações hipotéticas, cada uma delas contendo 15 pares de afirmações. O candidato deve optar por aquelas que acredita se aproximar do seu comportamento real. Assim, é formado um perfil da personalidade do indivíduo, categorizando-o de acordo com os tipos psicológicos propostos por Jung, o pai da psicologia analítica.

O teste contém um manual com uma tabela que relaciona os resultados obtidos, os tipos psicológicos e as profissões que mais se adequam a cada um dos tipos, amparando o profissional de recursos humanos na tomada de decisão.

Ele é muito utilizado para cargos de alta liderança, pois faz a avaliação da personalidade utilizando escolhas situacionais, ou seja, aquelas atitudes tomadas tendo como base o contexto, e que demonstram a capacidade de adaptação ao ambiente e às pessoas.

O teste avalia aspectos como aptidão, afinidade e interesse que o avaliado possui, sendo capaz de definir seus comportamentos. Assim, contribui para a formação de times de alta performance e identifica um conjunto de competências essenciais para a vaga em questão.

A correção do teste é feita levando em consideração a quantidade de respostas fornecida para cada uma das dimensões descritas, pela avaliação quantitativa e qualitativa.

Quais são os tipos psicológicos identificáveis?

O Questionário de Avaliação Tipológica se fundamenta nos chamados tipos psicológicos de um dos maiores nomes da Psicologia, Carl Jung. Os tipos estão divididos quanto à atitude (introvertido e extrovertido), às funções de percepção (intuição e sensação) e às funções de julgamento (pensamento e sentimento).

É possível que o perfil do indivíduo seja de introversão, tendo como as principais funções o sentimento e a intuição. Isso pode indicar, dentre outras coisas, o perfil de alguém que fica facilmente entediado com a rotina, mas que gosta de novos desafios.

Caberá ao profissional de gestão de pessoas realizar uma análise desse perfil, o que dará um quadro mais completo sobre o comportamento de cada candidato.

Como é a classificação da recepção de informação pelo teste QUATI?

Considerando a forma pela qual a pessoa recebe informações, o teste QUATI traz dois outros aspectos importantes, a Sensação (Ss) e a Intuição (In).

Os avaliados com predominância em Sensação são pessoas intensas, realistas e práticas, e não investem tanta energia em imaginar mudanças. São indivíduos conservadores, estáveis e possuem a tendência de observar e criar uma ideia bastante concreta sobre a vida, tirando suas próprias conclusões a respeito dos fatos.

Já quem se encontra mais voltado à Intuição, possui facilidade para perceber o ambiente como um todo. São pessoas com grande imaginação e com muita facilidade para inovar e criar. Estão sempre vislumbrando o futuro sem se deterem tanto às características concretas do presente. A tomada de decisão dessas pessoas pode ser baseada em regras ou em preferências pessoais.

No teste de personalidade QUATI, ainda temos as pessoas que tomam suas decisões com base no senso de justiça, detém-se a padrões lógicos e coerentes. Essas pessoas, de modo geral, são classificadas com força para a característica do Pensamento (Ps).

Mas quando o avaliado toma suas decisões baseadas em suas preferências pessoais, mais do que pela justiça ou lógica, ele tende a ser apontado em seu resultado força para a característica Sentimento (St). Esses indivíduos dizem a verdade aos outros indiretamente, tendo ainda bastante facilidade para viverem situações informais.

» Processos Seletivos + Rápidos e Eficientes
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

Sobre os resultados

Todas as respostas no teste de personalidade QUATI são apontadas em função do que o indivíduo faria e não do que gostaria de fazer em cada situação solicitada.

Portanto, podemos entender que o teste QUATI tem função primordial na gestão de pessoas, na medida em que contribui para um melhor entendimento do perfil profissional dos talentos de uma organização.

Ele ajuda a identificar o melhor perfil profissional para as vagas em aberto e ainda pode ser usado para equilibrar as forças do time interno, garantindo assim, uma performance satisfatória para a empresa. Ou seja, o QUATI traz inúmeras vantagens aos processos de RH.

O resultado do teste de personalidade QUATI permite identificar qual é o foco da atenção do indivíduo, de que forma ele prefere receber informações e em que ele se baseia para tomar decisões.

Assim, quanto ao foco de atenção, o teste possibilita identificar se ele é basicamente interno, evidenciado nas representações mentais do candidato, ideias e sentimento, ou pode ser voltado para o mundo externo, voltado para os fatos.

Quando o foco da atenção é evidenciado para o mundo interno, o perfil do avaliado será identificado como Introvertido (I). São profissionais que tendem a se dedicar de forma profunda a algum assunto, tornando-se especialistas com facilidade em suas profissões.

Já o perfil Extrovertido (E) revela atenção voltada para situações e fatos com que se relaciona diretamente. O profissional com esse perfil apresenta grande atitude empreendedora, pois possui a capacidade de experimentar o mundo antes de entendê-lo, tendo facilidade para se adaptar de forma natural em ambientes com grandes desafios.

Como o Teste QUATI ajuda na gestão de pessoas?

O QUATI é simples e de fácil análise e aplicação. Sua utilidade vai além da seleção de pessoal, já que a área de recursos humanos pode usá-lo na avaliação do potencial do funcionário, na orientação vocacional e no treinamento de colaboradores.

Investir em ferramentas como o QUATI é importante para que escolhas erradas não sejam feitas em um momento tão importante quanto a seleção dos profissionais. O gestor de recursos humanos deve dominar essas e outras ferramentas se deseja ter mais sucesso na hora da contratação.

Ele vai além da seleção de pessoal, pois o RH pode utilizá-lo na avaliação do potencial do colaborador, na orientação vocacional e no treinamento do time interno.

Investir em ferramentas como o QUATI é importante, pois assegura as melhores escolhas de profissionais para a empresa. Por isso, é importante dominar essa técnica e outras ferramentas para garantir mais sucesso na hora da contratação.

Não vá embora! Veja nossos Artigos mais Recentes:

O que podemos fazer
para melhorar sua gestão?

Clique no botão abaixo que teremos o prazer em ajudá-lo.

Contato

    RJ: (21) 3005.4074

    DF: (61) 2626.2705

    BA: (71) 2626.1205

    MG: (31) 2626.9127

    PR: (41) 2626.1267

    RS: (51) 2626.3109

Qual Solução você gostaria?