Inteligência Emocional no Trabalho: Aprimore Esta Habilidade!

É essencial ter inteligência emocional no trabalho, pois por meio dela é possível entender e saber lidar com suas próprias emoções e sentimentos das pessoas ao seu redor, assim ajudando a melhorar seu comportamento no ambiente profissional.

Por isso é bom que as empresas se empenhem em planejar maneiras de desenvolver essa habilidade em seus funcionários. Dessa forma poderão contribuir com o bom gerenciamento do trabalho e a relação entre os colaboradores, proporcionando seu crescimento profissional.

Neste artigo você vai compreender melhor o que é a inteligência emocional no trabalho, sua importância para as organizações e como ela pode ser desenvolvida.

» Sistema Online de Recrutamento e Seleção
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

O que é inteligência emocional no trabalho?

O termo inteligência emocional ficou conhecido no mundo pelo jornalista Daniel Goleman após o lançamento de seu livro “Inteligência Emocional” em 1986.

Segundo a psicologia é uma habilidade que permite que você gerencie suas emoções com o intuito de alcançar um objetivo. Por meio dela as pessoas podem aprender a superar seus medos e inseguranças e assim poderem não só se desenvolver profissionalmente, mas também em sua vida pessoal.

Algo interessante é que a inteligência emocional pode ser aprimorada, por isso não depende de aptidão, mas sim do seu próprio esforço. Para desenvolvê-la é necessário trabalhar cinco habilidades: autoconhecimento, automotivação, controle emocional, relacionamentos interpessoais e reconhecimento das emoções nos outros.

Por que a inteligência emocional no trabalho é importante?

Porque ela permite que os colaboradores tenham uma melhor relação entre si, além de ajudar os gestores a organizar os grupos e melhorar suas capacidades de liderança e negociação. Dessa forma os profissionais conseguem se desenvolver melhor, ter mais produtividade e proporcionar bons resultados para a empresa.

É essencial ter inteligência emocional em momentos de conflito, pois quando uma pessoa não tem essa habilidade acaba tendo reações negativas, o que gera ofensas, mágoas e evita que o problema seja resolvido. Isso é péssimo para o clima organizacional.

Por outro lado uma pessoa que consegue se controlar e manter a calma, reconhece melhor suas emoções e consegue avaliar melhor a situação, assim é capaz de lidar melhor com as intempéries do dia a dia.

Assim ela consegue ter um bom relacionamento com os colegas de trabalho, fazendo com que o ambiente se torne melhor e possa realizar suas tarefas com qualidade.

Por que o líder deve desenvolver inteligência emocional no trabalho?

Assim como os colaboradores, o líder também deve aprimorar essa habilidade. Pois um líder que é capaz de controlar suas emoções e entender os sentimentos de sua equipe auxilia no melhoramento de seu desempenho.

Isso acontece porque esse tipo de gestor incentiva os funcionários a superar suas inseguranças, melhorar sua performance profissional e assim produzirem mais e com qualidade.

Pelos líderes terem de lidar com diferentes tipos de pressão acabam ficando mais estressados, ansiosos e sensíveis a emoções negativas, que podem acabar prejudicando seu desempenho.

Por isso é muito importante que eles trabalhem sua inteligência emocional, para que sejam capazes de lidar com seus sentimentos e de sua equipe.

O líder que tem inteligência emocional tem uma boa comunicação e sabe dar feedbacks construtivos, motivando os membros de sua equipe ao invés de pressioná-los.

Assim os funcionários além de se mostrarem capazes de realizar tarefas mais complexas ainda podem ser de grande valia para a administração da empresa.

Como desenvolver inteligência emocional no trabalho?

Para aprimorar essa habilidade é necessário colocar o cérebro para trabalhar, treinando-o para que possa ter comportamentos emocionalmente inteligentes. É possível alcançar isso por meio de algumas ações, vamos conferi-las.

Pratique o autoconhecimento

Se autoconhecer é a primeira coisa que você deve fazer para desenvolver sua inteligência emocional no trabalho, que significa reconhecer seus sentimentos. Você deve entender como lida com situações de estresse no ambiente profissional.

Observe as emoções e comportamentos que são gerados em momentos de conflito e analise como suas reações afetam a si mesmo e as pessoas ao seu redor.

Assim você poderá fazer uma análise e compreender melhor quais as atitudes que você toma de acordo com suas emoções e como isso está atrapalhando sua vida profissional.

Controle suas emoções

Após analisar como suas emoções e comportamentos são gerados em situações de conflito você deve entender como controlá-los. Para isso você deve compreender que cada sentimento tem uma razão para existir.

Não é preciso reprimir suas emoções, mas aprender a manter o equilíbrio, sabendo controlá-las. Dessa forma você poderá se recuperar mais facilmente de problemas e conflitos no trabalho, se tornando um
profissional mais resiliente e capaz.

Uma maneira de controlar suas emoções é praticar meditação, para que você possa aprender a refletir antes de agir, assim evitando comportamentos impulsivos.

Desenvolva sua autoconfiança

Geralmente as pessoas que sofrem com a insegurança são mais negativas e insensatas, por isso é essencial aprimorar sua autoconfiança, para que possa acreditar que é capaz de alcançar seus objetivos.

Para isso você deve pensar que se determinada função foi atribuída à sua pessoa é porque demonstrou ter habilidade e ser capaz de executá-la. Tendo isso em mente tenha pensamentos positivos, acreditando em si mesmo.

Desenvolva a empatia

Ter empatia significa entender as emoções das outras pessoas e se colocar no lugar delas, compreendendo-as melhor. Isso ajuda no desenvolvimento da inteligência emocional, pois faz com que tenhamos mais respeito pelos outros.

Dessa forma é possível resolver conflitos da melhor forma e aprender a colaborar uns com os outros, o que melhora muito o clima organizacional e por consequência a produtividade da equipe.

Aprenda a lidar com a pressão

É difícil não haver momentos de pressão nas empresas, seja por meio de exigências para correção de erros ou estabelecimento de prazos. Por isso é essencial que você seja resiliente e aprenda a manter o controle de suas emoções para que possa encontrar a melhor solução.

Assim sendo não é recomendado realizar as tarefas de maneira mais rápida para evitar a pressão, pois isso pode acabar gerando erros e um trabalho mal feito.

Você deve se empenhar para manter a calma e encontrar formas de melhorar sua produtividade e evitar erros.

Tenha motivação

Outra ação que pode te ajudar a desenvolver a inteligência emocional no trabalho é por meio da automotivação. Assim você deve pensar de forma positiva, isso ajuda a evitar sentimentos que atrapalhem seu trabalho e seu crescimento profissional.

Se expresse de forma adequada

Como foi mencionado você não precisa esconder seus sentimentos e sua maneira de pensar, assim sendo você é livre para se expressar, desde que seja de forma adequada.

Para isso você deve comunicar às pessoas o que pensa, mas sem ofender ou prejudicá-las. Dessa forma você estará estabelecendo uma melhor relação com seus colegas de trabalho e se sentirá melhor.

Saiba reconhecer suas qualidades e defeitos

Uma forma de se autoconhecer é buscar reconhecer seus pontos fortes e fracos. Para isso é válido perguntar a seus colegas e líderes sobre eles e realizar uma autoanálise.

Assim você saberá os aspectos que precisa melhorar, o que te ajudará a se desenvolver profissionalmente.

Como identificar se você está desenvolvendo inteligência emocional no trabalho?

Após ver as dicas de como desenvolver a inteligência emocional e colocá-las em prática é interessante que você analise seu comportamento para ver se está tendo progressos.

Lembre-se que essa habilidade não é adquirida de uma hora para outra é necessário treinar constantemente e ter força de vontade.

A inteligência emocional pode ser encontrada nas pessoas em diferentes níveis, mas existem algumas características que podem te ajudar a identificá-las. Elas foram elaboradas pelo consultor norte-americano Travis Bradberry, coautor do livro “Emotional Intelligence 2.0”.

Entre as habilidades que uma pessoa que possuem um nível alto de inteligência emocional apresentam estão:

  • tem conhecimento sobre suas qualidades e defeitos;
  • sabe descrever suas próprias emoções com precisão;
  • é resiliente;
  • é capaz de interpretar os sentimentos de outras pessoas;
  • tem curiosidade sobre as pessoas;
  • dificilmente se ofende;
  • sabe dizer “não”;
  • não guarda mágoas;
  • sabe perdoar a si mesmo;
  • é uma pessoa caridosa;
  • não é perfeccionista;
  • tem a capacidade de neutralizar pessoas tóxicas.

 

» Processos Seletivos + Rápidos e Eficientes
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

Torne-se um líder melhor!

Como você viu neste artigo a inteligência emocional no trabalho é muito importante em uma organização, pois ela ajuda as pessoas a lidarem melhor com situações de conflito para assim conseguirem ter uma relação interpessoal melhor.

Isso possibilita a melhora da produtividade dos funcionários e consequentemente o alcance de bons resultados, além de ser muito bom para o clima organizacional.

Não só os funcionários, mas os líderes também devem desenvolver essa habilidade, pois no caso dos gestores por meio dessa habilidade é possível motivar os colaboradores a darem o seu melhor, assim fazendo com que melhorem seu desempenho e produtividade.

Para desenvolver essa habilidade é necessário tomar algumas ações, como: praticar o autoconhecimento, controlar suas emoções, desenvolver sua autoconfiança e empatia, aprender a lidar com a pressão, ter motivação, saber se expressar e reconhecer suas qualidades e defeitos.

Dessa forma você pode se tornar um profissional e líder melhor, sabendo lidar de forma respeitosa com seus colegas de trabalho, o que melhorará a relação interpessoal de vocês e os motivará a trabalhar melhor, otimizando o clima organizacional.

Assim a inteligência emocional ajudará tanto o funcionário a se desenvolver e se tornar um profissional mais bem-sucedido como proporcionar mais resultados para a empresa.

Planilha Gratuita

Controle o Desempenho dos Colaboradores de Forma Prática, Fácil e Eficiente!

Insira seu MELHOR E-MAIL abaixo e receba a planilha agora mesmo, de forma gratuita.