19 Perguntas para Se Fazer Uma Boa Autoavaliação de Desempenho

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on facebook
A autoavaliação de desempenho permite que o colaborador reflita sobre si mesmo e sua performance dentro da empresa. Dessa forma ele pode analisar seus pontos fortes e o que precisa ser melhorado.

Essa ferramenta pode ser usada para ajudar no desenvolvimento do profissional, pois tanto ele como a empresa terão conhecimento sobre suas habilidades e dificuldades. Assim se pode investir em treinamentos, cursos ou coaching e ajudando no crescimento do profissional, o que também será de grande valia para a organização.

Neste artigo você vai entender melhor o que é a autoavaliação de desempenho, qual sua importância, seus benefícios, como fazer e quais perguntas podem ser abordadas por meio dela.

» Sistema Online de Recrutamento e Seleção
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

O que é a autoavaliação de desempenho?

Como mencionamos anteriormente é uma ferramenta usada nas grandes companhias e que tem como objetivo permitir que o funcionário analise a si mesmo como profissional, verificando suas habilidades e dificuldades.

Dessa forma o colaborador pode conhecer suas qualidades e saber quais competências precisa aprimorar. A autoavaliação de desempenho pode ser usada pelo gestor para que ele possa analisar como está a performance do funcionário durante certo período.

Por meio dessa ferramenta o colaborador também deve mostrar que tem um plano de futuro e conhece sua capacidade e sabe quais habilidades serão úteis para atingir seu objetivo e quais precisa desenvolver.

Enquanto que o gestor deve se empenhar para colaborar com o desenvolvimento do profissional estabelecendo metas conjuntas para que ele melhore e até mesmo oferecendo treinamentos e ajuda para gastos com cursos de extensão ou pós-graduações.

Por que a avaliação de desempenho é importante?

Porque por meio dela o colaborador passa a se conhecer melhor e a refletir sobre suas ações e competências, de modo que pode traçar metas para melhorar. Isso ajuda em seu desenvolvimento tanto profissional como pessoal.

Além disso, a avaliação de desempenho tem dois objetivos principais que são: analisar a performance de cada funcionário e avaliar as possibilidades de crescimento levando em consideração as metas tanto da organização quanto do colaborador.

Assim cada funcionário poderá reconhecer suas metas dentro da empresa, saber até onde deseja chegar e que atitudes tomar para atingi-las, ao mesmo tempo em que responde às expectativas da organização.

Essa também é uma forma de proporcionar o diálogo entre funcionários e gestores para que ambos consigam chegar a um acordo sobre o que precisam fazer para que as metas individuais e coletivas sejam atendidas.

Dessa forma a empresa poderá contar com um time composto por pessoas preparadas e que saibam reconhecer suas competências e limitações, podendo ajudá-las a crescer mais por meio de treinamento, o que proporcionará melhores resultados para todos.

Quais os benefícios da autoavaliação de desempenho?

Essa ferramenta traz muitos benefícios tanto para a empresa quanto para os funcionários, entre eles:

  • Permite que o funcionário faça uma reflexão sobre o que sente, suas ações e competências, assim podendo saber de que forma pode melhorar;
  • Ajuda no desenvolvimento da inteligência emocional e intrapessoal, na determinação de objetivos realistas e no aperfeiçoamento da imagem profissional;
  • Auxilia na composição da avaliação de desempenho que é feita pelo gestor;
  • Proporciona o acordo entre funcionário e gestor para que possa ser elaborado um guia para um planejamento de desenvolvimento profissional;
  • Promove o desenvolvimento dos funcionários, assim proporcionando uma equipe mais bem capacitada e consciente sobre seus pontos fortes e fracos;
  • Dá o conhecimento que a empresa precisa para saber como ajudar o funcionário a se desenvolver por meio de treinamentos mais direcionados com a finalidade de alcançar melhores resultados.

 

Como fazer uma autoavaliação de desempenho?

Geralmente a autoavaliação de desempenho é feita por meio de questionários que são distribuídos pelo setor de Recursos Humanos, contendo perguntas sobre objetivos, reconhecimentos, obstáculos diários, possíveis formas de melhorar, oportunidades, entre outros.

Outra forma de realizar o processo é por meio da matriz SWOT (Strenghts, Weaknesses, Opportunities and Theats) que significa em português “forças, fraquezas, oportunidades e ameaças”.

Essa ferramenta fornece uma análise detalhada, tendo como objetivo dar um diagnóstico estratégico para prever e prevenir condições negativas e desenvolver formas de melhorar.

Dessa forma é possível determinar ações para que os aspectos negativos sejam aprimorados, por exemplo, no caso de um funcionário que não tem domínio em informática, ele pode prometer fazer um curso para melhorar sua performance.

Quais perguntas podem ser abordadas por meio da autoavaliação de desempenho?

As perguntas de uma autoavaliação de desempenho abordam sobre os objetivos, performance, competências e dificuldades do funcionário dentro da empresa.

Confira alguns exemplos de perguntas que podem ser feitas:

1 – Seu comportamento está de acordo aos valores da empresa?

Nessa pergunta o colaborador deve analisar se ao realizar sua função dentro da companhia faz tudo de acordo com a cultura da empresa.

2 – Você é pontual?

O colaborador deve verificar se costuma chegar à empresa no horário estipulado e se entrega seu trabalho dentro do prazo.

3 – Quais suas habilidades?

Nessa pergunta o colaborador deve apontar quais suas melhores competências, é importante que ele reconheça suas qualidades. Se tiver dúvida pode perguntar a alguém de confiança antes de responder.

4 – Por que você considera estas suas habilidades?

O funcionário deve explicar por que considera estas suas melhores competências, ele pode dar exemplos de ações que praticou durante sua vida que justifiquem isso.

5 – Como você pode usar essas habilidades dentro da empresa?

O colaborador precisa mostrar por que é um empregado valioso para a empresa e o que ela pode ganhar com ele.

6 – Há alguma oportunidade benéfica para a empresa onde suas habilidades seriam melhor empregadas?

Nessa pergunta o funcionário deve analisar em qual área ou cargo se daria melhor com suas habilidades, podendo visar promoções ou mudanças de setor.

7 – Há alguma crise em que suas habilidades poderia ajudar a resolver determinada situação para a organização?

O colaborador deve analisar se suas habilidades poderiam ajudar a empresa em um momento de crise.

8 – Quais seus pontos fracos?

Nessa pergunta o funcionário deve levar em consideração tanto a falta de conhecimento em alguma área como problemas mais difíceis como determinados comportamentos que precisam ser mudados.

9 – Por que considera estes seus pontos fracos?

O colaborador deve refletir por que esses pontos fracos estão atrapalhando-o, tanto em sua vida profissional como na empresa. Ele pode citar as tarefas que são afetadas por causa disso.

10 – Como você pode trabalhar seus pontos fracos com a colaboração da empresa para melhorar sua performance no trabalho?

Nessa pergunta o funcionário deve tentar encontrar uma resposta para resolver o problema.

11 – Há alguma oportunidade que você desempenharia melhor se resolvesse seus pontos fracos?

O colaborador deve analisar quais oportunidades de carreira, seja promoções ou mudança de área poderia realizar se conseguisse superar seus pontos fracos.

12 – Se houvesse uma crise, quais dos seus pontos fracos precisariam ser melhorados para que você possa ajudar na solução com sua melhor performance?

Nesse caso o funcionário deve analisar o que precisa melhorar para poder não só ajudar a empresa como também se desenvolver profissionalmente.

13 – Você tem uma boa interação com a equipe?

O colaborador deve responder se tem uma boa relação com seus colegas e líderes e se contribui para a sustentação do trabalho em equipe.

14 – Você se dá bem com mudanças?

Nessa pergunta o funcionário deve analisar se consegue se adaptar com facilidade às mudanças que ocorrem dentro da empresa ou não.

15 – Você reconhece os esforços de sua equipe ou colegas de trabalho?

O colaborador deve responder se costuma incentivar seus colegas de equipe e se reconhece seu trabalho.

16 – Você se responsabiliza por suas atividades?

Nessa pergunta o funcionário deve responder com sinceridade se costuma entregar suas tarefas na hora, atrasadas ou adiantadas e refletir se está cumprindo os prazos estipulados, está deixando a desejar ou fazendo além das expectativas.

17 – Você busca formas de conseguir realizar o trabalho com qualidade?

O colaborador deve refletir sobre qual sua conduta profissional, se é um empregado mediano ou se está sempre buscando formas de melhorar sua performance.

18 – Onde você quer estar daqui a um ano?

Nesse caso o funcionário deve estabelecer suas metas para um ano e analisar se suas habilidades vão ajudá-lo a atingi-las.

19 – Qual seu sonho na vida?

O colaborador deve analisar se está se empenhando para viver a vida que almeja e ver se seu trabalho está ajudando a alcançar seu sonho.

É importante que o funcionário seja sincero, para que a autoavaliação de desempenho seja autêntica e assim possa trazer melhorias tanto para sua vida profissional quanto para a empresa.

» Processos Seletivos + Rápidos e Eficientes
Recrute de forma Assertiva com Análises Comportamentais e Diminua o Turnover com a Gestão de Talentos!

Com o RHbot você encontra o talento ideal para cada vaga, criando um processo seletivo mais ágil e assertivo. Automatizando processos você elimina erros e economiza dinheiro!

Cadastre-se no link abaixo, experimente nosso sistema online de forma gratuita e transforme os resultados do seu RH.

Tenha uma equipe cada vez melhor!

Como vimos neste artigo a autoavaliação de desempenho é importante não apenas para a empresa, mas para o próprio funcionário, pois enquanto ajuda o colaborador a se tornar mais competente para a organização, o que proporciona maiores resultados, também ajuda no seu desenvolvimento profissional e pessoal.

Além disso, é uma forma de aproximar o funcionário do gestor para que ambos possam traçar metas de melhorias e assim alcancem seus objetivos.

A autoavaliação de desempenho é realizada por meio de perguntas que questionam o colaborador sobre sua performance, habilidades, pontos fracos e objetivos dentro da empresa e em sua vida.

Os gestores devem orientar seus funcionários a responderem às perguntas com honestidade, pois apenas assim a autoavaliação de desempenho terá valia para ajudar o colaborador e a empresa.

Não vá embora! Veja nossos Artigos mais Recentes:

O que podemos fazer
para melhorar sua gestão?

Clique no botão abaixo que teremos o prazer em ajudá-lo.

Contato

    RJ: (21) 3005.4074

    DF: (61) 2626.2705

    BA: (71) 2626.1205

    MG: (31) 2626.9127

    PR: (41) 2626.1267

    RS: (51) 2626.3109

Qual Solução você gostaria?